Terça, 23 Abril 2024 | Login
Salvador 475 anos: Prefeitura inaugura primeiro hospital público veterinário da Bahia no bairro de Canabrava Foto: Valter Pontes

Salvador 475 anos: Prefeitura inaugura primeiro hospital público veterinário da Bahia no bairro de Canabrava

Salvador agora conta com uma ampla e moderna estrutura de saúde para atender cães e gatos domésticos em serviços de média e alta complexidade. A Prefeitura inaugurou nesta segunda-feira (25) o Hospital Municipal Veterinário (HPVet), situado na Rua Artêmio Castro Valente, em Canabrava, ao lado do Estádio Manoel Barradas (Barradão). A entrega foi feita pelo prefeito Bruno Reis e faz parte das ações em celebração aos 475 anos da cidade.

O hospital já começa a atender nesta terça-feira (26) e terá funcionamento 24 horas por dia para animais em internamento, enquanto que o atendimento eletivo ocorrerá de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Aos sábados, o local atenderá de 8h às 12h para consultas de retorno. Serão distribuídas diariamente 40 fichas, por ordem de chegada. Pets em situação de emergência serão acolhidos de forma imediata.

Em seu discurso, Bruno Reis destacou que este é o primeiro hospital público veterinário da Bahia. "É com muita emoção que estamos aqui para realizar esta entrega histórica para Salvador. Este hospital vai ajudar a tirar a dor de milhares de famílias da nossa cidade que às vezes não têm dinheiro para garantir nem o seu próprio atendimento médico, quem dirá para os seus animais de estimação. Pessoas que estão em casa sofrendo, vendo o seu animal tão amado agonizando. Agora, essas pessoas terão uma unidade pública, que vai atender gratuitamente todos os dias", disse.

"Todo animal que for trazido para cá pelo seu tutor será atendido. Será acolhido com todo carinho, com todo amor. Quem tem um animal de estimação sabe a importância dele para a casa. Sabe o quanto os animais têm a capacidade de ser uma companhia, ser o equilíbrio da família, ser a alegria para os filhos. O animal consegue trazer no seu coração um amor próprio, um amor que não se combina. Com essa visão, é que a gente vem priorizando o cuidado com os animais de Salvador", completou Bruno Reis.

O HPVet será administrado pela Diretoria de Proteção Animal de Salvador, que faz parte da Secretaria de Sustentabilidade, Resiliência, Bem-Estar e Proteção Animal (Secis). O prédio possui dois andares e ocupa uma área de 1,4 mil metros quadrados. Para a construção do equipamento, foram investidos R$14 milhões. Porém, para o funcionamento do hospital, a Prefeitura vai aportar quase R$1 milhão por mês.

Titular da Secis, Marcelle Moraes ressaltou que o investimento municipal trará um retorno significativo a milhares de tutores que precisam dar qualidade de vida e condições dignas aos bichinhos de estimação. "Salvador, sem dúvida, se consolida como referência no país em políticas públicas para os animais com a entrega deste hospital. É uma forma de reverter o cenário de inúmeros problemas sociais urbanos ligados à causa animal, como mortes em virtude de atropelamentos ou maus-tratos e transmissão de doenças; uma vez que o atendimento para esses casos será ofertado gratuitamente", afirmou.

Estrutura - A unidade conta com mais de 70 leitos para acolher pets de tutores independentes ou de ONGs. O hospital conta com atendimento de médico veterinário clínico e serviço de hospital dia, o que vai permitir, por exemplo, internamentos para tratar casos graves, inclusive com ala de isolamento para infecciosos. A emergência funcionará de forma ininterrupta com equipes de saúde e cirurgião de prontidão.

Além da clínica médica, o HPVet disponibilizará acesso gratuito a uma gama de especialistas em áreas como ortopedia, oftalmologia e trato reprodutivo dos bichos; bem como exames de média e alta complexidade, a exemplo de Raio X, exames de imagem, ultrassom, hemograma, entre outros. O local também terá posto de vacina antirrábica e disponibilizará teleconsulta entre um médico veterinário e o tutor.

O prefeito afirmou que a inauguração do HPVet é um marco que consolida os avanços que Salvador vem tendo nos últimos anos no cuidado com os animais. "A proteção animal tem alguns alicerces. O primeiro é a educação, e a Prefeitura tem investido nisso, mostrando a todo mundo que tem um pet a importância dele ser bem cuidado. Outro alicerce é a política de castração, o que nos últimos anos nós ampliamos muito, seja com o Castramóvel, seja com diversas clínicas que contratamos em nossa cidade. Outro alicerce é a vacinação, para que as doenças não sejam transmitidas, e nós temos realizado vários mutirões", disse.

"Tem também a identificação. Toda vez que a gente castra ou vacina, a gente faz esse cadastro. Em breve, vamos dar um próximo passo, contratando um censo para todos os animais da nossa cidade, para a gente definir políticas públicas com mais precisão. Outra licença é a distribuição de rações que a Prefeitura faz, principalmente para as instituições, ajudando aos que mais precisam. Mas, sem sombra de dúvidas, de todas as ações, a mais bonita e mais importante, é este Hospital Público Veterinário", completou.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.